Blog

19Ago

E agora? Meu bebê nasceu!

E agora? Meu bebê nasceu!



Normalmente, a grande maioria das gestantes esquece um pouco delas neste momento, e demoram um pouco a pensar em retornar para o Pilates, por isso da importância do instrutor orientá–la ao final da gestação dos benefícios da volta aos exercícios com rapidez.

 

No caso do parto normal, geralmente as atividades são liberadas após 15 dias, não havendo nenhuma complicação. Já no parto cesariano, onde várias camadas profundas são cortadas, pode demorar um pouco mais de 30 a 40 dias para receber a liberação do médico.

 

Durante a gestação, a musculatura abdominal sofre um enorme estiramento, o que dificulta a contração, resultando no enfraquecimento desta musculatura. Por isso, a importância de iniciar o trabalho de fortalecimento, o quanto antes. Como sabemos, a mecânica postural incorreta irá continuar ou até mesmo piorar com a amamentação, podendo gerar dores e desconfortos na coluna.

 

Outra musculatura que sofre uma sobrecarga antes e durante o trabalho de parto é o assoalho pélvico. Considerando isso, eu sempre oriento a futura mamãe a iniciar a ativação de assoalho pélvico e transverso do abdome assim que se sentir confortável. Será de extrema importância para quando ela puder voltar a realizar os fortalecimentos isotônicos.

 

Assim que o obstetra liberá–la para a atividade física, iniciaremos, de forma progressiva e segura, os fortalecimentos, principalmente as flexões de tronco. Inicialmente, o posicionamento mais confortável para essa aluna será em decúbito dorsal. Vamos utilizar cargas mais leves para evitar possíveis lesões, mas progredindo sempre de acordo com a evolução e dedicação da puérpera.

 

Também não devemos nos esquecer dos alongamentos de paravertebrais e outras musculaturas que foram tensionadas durante toda a gestação, e dos fortalecimentos de membros superiores e inferiores, para auxiliar nos cuidados com o bebê. Cuidando do corpo com o Pilates, com certeza essa mamãe terá muita disposição e não terá todos aqueles desconfortos relatados por tantas mães sedentárias.

 

Patricia de Andrade | Instrutora da Espaço Vida Pilates e da Pilates Avançado - Pilates aplicado à Gestante

DATA: 19 DE Agosto DE 2015 / CATEGORIA:

VOLTAR

© 2015-2016 pilatesavancado.com.br. Todos os direitos reservados.

Powered by Eduardo Bibiano.