Blog

22Abr

Pilates como tratamento de lesões no joelho

Pilates como tratamento de lesões no joelho



Devido ao posicionamento anatômico numa localização central, a articulação do joelho está sujeita a ocorrência de lesões, tanto por forças diretas, quanto indiretas. Uma vez lesionado devemos tomar uma atenção especial afim de evitarmos agravamento da lesão.


Uma das lesões mais comuns no joelho é a lesão do LCA (ligamento cruzado anterior).  

O ligamento tem como função de estabilizar, controlar a cinemática, prevenir rotações e deslocamentos anormais da articulação do joelho.


À ruptura deste ligamento correlacionam-se a lesões meniscais e condrais, com possíveis implicações funcionais para a articulação. A alta incidência de lesões neste ligamento leva a uma evidência de instabilidade do joelho. Além disso, as informações proprioceptivas em decorrência da lesão do ligamento cruzado anterior contribuem para o surgimento de instabilidade.
Com uma avaliação detalhada, o fisioterapeuta é capaz de traçar um plano de reabilitação durante as aulas. O Pilates entra como um método de exercícios terapêuticos que tem como base o controle coordenado e voluntário, com máxima precisão dos movimentos do corpo. Como o Pilates é uma atividade que trabalha o fortalecimento, a flexibilidade e a postura associando a respiração e a contração da musculatura abdominal, ele traz grandes resultados para os lesionados.


Os exercícios de cadeia cinética fechada têm uma menor probabilidade de translação anterior da tíbia, pois as forças são dissipadas entre as demais articulações dos membros inferiores, o que não ocorre com os exercícios em cadeia cinética aberta, onde uma articulação recebe toda a força aplicada. Exercícios de extensão máxima devem ser evitados, pois exigem uma maior demanda do ligamento.


Exercícios instáveis são indispensáveis durante a reabilitação do LCA, pois estimulam os mecanoreceptores presentes no ligamento.
Vale lembrar que exercícios como esses deverão ser aplicados depois da redução do edema e sinais inflamatórios.


Exercícios indicados para aulas de Pilates:
- Comece pelo Barrel com Stretches Front, Stretches Side e Horse;
- Na Chair pode se usar exercícios de cadeia cinética pseudofechada como o Pump One Leg Front e Side;
- No Reformer, séries de FootWork Toes e Heels. Faça com a plataforma de salto para similar um banco de Leg Press.


OBS: Podem-se variar as séries usando uma overball ou Magic Circle. Ao mesmo tempo que se faz a extensão de joelhos aperte a bola para trabalho de músculos adutores. Todos os exercícios devem ser acompanhados por um fisioterapeuta para que sejam bem orientados e executados de forma correta e precisa, atingindo assim o resultado esperado.

DATA: 22 DE Abril DE 2015 / CATEGORIA: Artigo

VOLTAR

© 2015-2016 pilatesavancado.com.br. Todos os direitos reservados.

Powered by Eduardo Bibiano.