Blog

08Jan

Hérnia de disco e o risco de lesões

Hérnia de disco e o risco de lesões



Exercícios tradicionais de fortalecimento dos músculos abdominais e de extensores de tronco têm sido alvo de críticas por submeter à coluna vertebral a altas cargas de trabalho, aumentando, assim, o risco de uma nova lesão. Estudos recentes comprovam a eficácia da estabilização segmentar como tratamento para hérnia lombar, considerada menos lesiva por ser realizada com a coluna em posição neutra.

 

Pesquisas sugerem que sem a ativação correta dos estabilizadores profundos do tronco, as recidivas do quadro álgico são notadas com muita frequência (MARQUES, 2008).

 

Pode-se concluir que, como o músculo transverso do abdome e multífido fazem parte do Powerhouse, a ativação correta desse grupo muscular durante a prática de Pilates contribui para uma estabilização lombo-pélvica necessária em todos os indivíduos, com ou sem dor.

 

Gabriela Zaparoli | fisioterapeuta

DATA: 08 DE Janeiro DE 2015 / CATEGORIA: Artigo

VOLTAR

© 2015-2016 pilatesavancado.com.br. Todos os direitos reservados.

Powered by Eduardo Bibiano.